Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Emocionado, Renato segura o choro e encerra coletiva ao falar da tragédia com o Flamengo

Autor: Gremistas   •   10 de fevereiro/2019    •       •   

Emocionado, Renato segura o choro e encerra coletiva ao falar da tragédia com o Flamengo
Flickr/Grêmio
Apaixonado pelo Rio de Janeiro e ex-jogador do próprio Flamengo, o técnico gremista Renato Gaúcho se emocionou muito neste domingo ao ser perguntado sobre a tragédia no CT do Ninho do Urubu, que vitimou 10 pessoas na última sexta-feira.

A principal linha de investigação aponta que o incêndio em um dos alojamentos do CT foi gerado por um curto-circuito em um ar-condicionado. Os bombeiros chegaram por volta das 5h30 e controlaram o fogo durante cerca de uma hora. Quatro atletas eram da base do Flamengo, outros dois estavam em testes e também morreram quatro funcionários.

"É muito complicado encontrar palavras para dizer nesse momento e confortar as famílias. Eu acho que foi uma fatalidade. Eu tenho uma filha também, sei o quanto isso machuca. Eram 10 vidas, 10 sonhos. Complicado para esses pais que entregam os filhos ao clube e acontece algo assim. Nenhum jogador de futebol nasce rico. Todos eles começam com um sonho", disse Renato em uma parte da sua declaração.

Veja a íntegra da fala de Renato captada pela reportagem do Gremistas e o momento em que ele, muito emocionado, encerra a entrevista:



O próprio Renato usou durante o jogo deste domingo contra o Avenida, em que o Grêmio faturou a Recopa Gaúcha, uma tarja de luto em homenagem às vítimas. Everton, autor de dois gols na vitória por 6x0, também fez a sua homenagem em frente às câmeras.

 





VEJA TAMBÉM:
> Entenda como o GreNal deste sábado virou decisivo para o futuro de Tardelli no Grêmio
> Rafael Sobis elogia o Grêmio antes do clássico: 'Sabe brigar'
> Paulo Nunes gostaria de ter trabalhado com um treinador no estilo de Renato: 'Grupo joga por ele'


Comentários