Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Renato descarta favoritismo na Libertadores: 'Papo pra boi dormir'

Autor: Gremistas   •   25 de fevereiro/2019    •       •   

Renato descarta favoritismo na Libertadores:
Lucas Uebel/Grêmio
O Grêmio cumpriu com sucesso o seu último desafio antes da estreia na Libertadores. Com gols de Marinho, o tricolor fez 2x0 no Veranópolis nesta segunda-feira, na Arena, pelo Gauchão, e agora passa a "respirar" o Rosario Central - adversário na estreia do torneio continental no dia 6, fora de casa.

Apesar da ótima arrancada em 2019, com seis vitórias e dois empates em oito jogos, o técnico Renato Gaúcho descartou completamente a condição do Grêmio ser "favorito" no torneio.

"O Grêmio está fazendo a sua parte no Gauchão, mas Libertadores é outra história. Não coloco o Grêmio em primeiro, nem em último. São grandes clubes. No momento, todos têm condições de ganhar. Não temos vantagem sobre os brasileiros nem sobre os outros. O São Paulo acabou caindo, temos esse exemplo. Não temos jogos fáceis. Vamos pensar em se classificar. A história de que o grupo é fácil é pra boi dormir. Estamos nos preparando para estrear bem. Não tem jogo fácil pra ninguém. O primeiro ponto é garantir a classificação", disse Renato em coletiva.

O comandante também indicou que o time que iniciou contra o Veranópolis deve começar contra o Rosario, no dia 6.

"Eu tenho tempo para pensar. O importante é que todos estão bem, só o Léo Moura no departamento médico. Vou ter tempo pra montar a equipe. Ainda vou pensar se terá a necessidade de mudar alguma peça. Jogo fora de casa, estreia na Libertadores, mas temos tempo para definir os 11".

O Grêmio iniciou contra o Veranópolis com Paulo Victor; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann, Cortez; Michel, Maicon, Marinho, Luan, Everton e Vizeu. 
 





VEJA TAMBÉM:
> Destaque no clássico, Matheus Henrique se diz 'preparado' para ser titular
> Grêmio convoca reunião e debaterá reeleição de Romildo Bolzan para triênio 2020-2022
> Jogadores do Grêmio vibram nas redes sociais após vitória sobre o Inter


Comentários