Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Antes da estreia, Vizeu manifesta confiança para duelo contra o Rosario Central

Autor: Gremistas   •   02 de março/2019    •       •   

Antes da estreia, Vizeu manifesta confiança para duelo contra o Rosario Central
Lucas Uebel / Grêmio FBPA
O time para a estreia na Copa Libertadores talvez não seja como o imaginado pelo torcedor no início de janeiro. As transferências na arrancada de 2019 alteraram um pouco os planos da comissão técnica, mas, em compensação, reforços chegaram. Um deles é Felipe Vizeu, que está assumindo a titularidade no comando de ataque e anseia pelo primeiro jogo na competição continental.

No Flamengo, Vizeu não teve a oportunidade de atuar em uma Libertadores. Foi inscrito no torneio, porém nunca entrou em campo. Na próxima quarta-feira (6), contra o Rosario Central, deverá ser o titular no comando de ataque do Grêmio e garante estar preparado para o desafio.

"Estou confiante, independente de tudo. Quero fazer meu nome no Grêmio. O Renato, independente de quem escalar, vai fazer o melhor. Se eu jogar ou não, estou pronto. Estou confiante porque o grupo me dá confiança, o Renato também. Espero fazer meu melhor e marcando gols. Independente de qualquer coisa, o importante é o resultado positivo lá", disse o jogador em entrevista coletiva.

+ Com 3 do Grêmio, comentaristas montam combinado ideal dos times brasileiros da Libertadores

Apesar do centroavante não confirmar a própria presença na equipe titular, os treinamentos apontam para isso. A única dúvida no time é no meio-campo, já que Michel está sob avaliação médica por conta de torção no tornozelo direito. Os demais setores estão definidos.

O provável time do Grêmio para encarar o Rosario Central terá: Paulo Victor; Léo Gomes, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Michel (Rômulo) e Maicon; Marinho, Luan e Everton; Felipe Vizeu.





VEJA TAMBÉM:
> Sincero, técnico diz que Juventude está eliminado do Gauchão
> Luan rebate pergunta de repórter: ‘Criticado por quem?’
> Levantamento mostra que Grêmio de Renato já fez quase 30 goleadas desde 2016


Comentários