Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Associação de árbitros divulga mudanças e técnicos poderão levar cartão amarelo e vermelho

Autor: Gremistas   •   14 de março/2019    •       •   

Associação de árbitros divulga mudanças e técnicos poderão levar cartão amarelo e vermelho
Lucas Uebel/Grêmio
A IFAB (International Football Association Board) divulgou nesta semana mudanças sobre as punições dos treinadores de futebol durante os jogos. A principal delas é que, a partir do dia 1° de junho, eles poderão receber cartão amarelo ou vermelho assim como os jogadores.

No caso dos torneios que iniciem antes desta data, caso do Brasileirão, por exemplo, as modificações poderão valer a partir do início da competição ou serem prorrogadas, no máximo, até a edição respectiva do ano seguinte.

O rigor será tão grande aos treinadores que se caso algum membro da comissão técnica cometer alguma infração no banco, mas não ser identificado, o próprio técnico será punido.

O portal Globoesporte.com divulgou os três "níveis" de punições:

Advertência (verbal):

1. entrar no campo de jogo de maneira respeitosa e não conflitiva;
2. não cooperar com a arbitragem, exemplo: ignorando uma instrução/pedido de um árbitro assistente ou quarto árbitro;
3. discordar de maneira leve, por meio de gestos ou palavras, de uma decisão da arbitragem;
4. sair da área técnica ocasionalmente, mesmo sem cometer qualquer outra infração;

Cartão amarelo

1. sair claramente da área técnica e com frequência;
2. retardar o reinício do jogo pelo seu time;
3. entrar intencionalmente na área técnica do outro time, mesmo que de maneira não conflitiva.
4. reclamar, por meio de gestos ou palavras, de uma decisão da arbitragem:
a) jogando/chutando garrafas ou outros objetos;
b) gesticulando de maneira desrespeitosa para a arbitragem, exemplo: bater palmas com ironia;

5. entrar na área de revisão do VAR à beira do campo;
6. gesticular excessiva e persistentemente para que seja aplicado um cartão amarelo ou vermelho;
7. mostrar excessivamente o sinal da TV pedindo uma revisão do VAR;
8. gesticular ou agir de maneira provocativa ou conflitiva;
9. comportar-se persistentemente de maneira inaceitável (incluindo advertências verbais repetidas);
10. demonstrar falta de respeito com o jogo.

Cartão vermelho

1. retardar o reinício do jogo pelo time adversário, exemplo: agarrar a bola, chutar a bola para longe, obstruir o movimento do adversário.
2. sair intencionalmente da área técnica para:
a) discordar, ou reclamar, da arbitragem;
b) agir de uma maneira provocativa ou conflitiva (fora da sua área técnica);

3. entrar na área técnica do time adversário de uma maneira agressiva e conflitiva;
4. jogar/chutar intencionalmente um objeto dentro do campo de jogo;
5. entrar no campo de jogo para:

a) confrontar a arbitragem (inclusive no intervalo ou no final do jogo);
b) interferir no jogo, em um jogador adversário ou na arbitragem;

6. entrar na sala de operação do VAR;
7. comportar-se de maneira agressiva (incluindo cuspir ou morder) um jogador adversário, um substituto, um membro da Comissão Técnica, a arbitragem, um torcedor ou qualquer outra pessoa, exemplo: gandula, segurança, delegado da partida etc.)
8. receber um segundo cartão amarelo na mesma partida;
9. usar linguagem ou gestos ofensivos, insultantes ou abusivos;
10. usar equipamento eletrônico ou de comunicação não autorizado e/ou comportar-se de maneira inadequada como resultado do uso do equipamento eletrônico ou de comunicação;
11. conduta violenta.
 





VEJA TAMBÉM:
> De volta, Tardelli projeta 'lei do ex' contra o Atlético-MG
> Figueirense x Grêmio - Ao vivo pelo Brasileirão de Aspirantes
> Declarações de Renato após jogo contra o Juventude repercutem na web


Comentários