Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Everton desconversa sobre favoritismo: 'Em clássico a força se iguala'

Autor: Gremistas   •   16 de março/2019    •       •   

Everton desconversa sobre favoritismo:
Lucas Uebel/Grêmio
Assim como vem defendendo desde o início da semana, o Grêmio segue rechaçando qualquer tipo de favoritismo para o clássico Gre-Nal deste domingo, na Arena, às 19h, pela primeira fase do Gauchão.

Para Everton, que concedeu entrevista coletiva neste sábado, as forças "se igualam" em clássicos e muitas vezes o time que vem em pior momento consegue surpreender.

"Clássico é um jogo diferente. Ano passado, a gente estava em um excelente momento, e eles não tão bem, e acabou um empate na Arena. Isso é relativo, quando é clássico a força se iguala. A gente procura esquecer o jogo da Libertadores, por ser outra competição. Um dos piores jogos desde que o Renato está aqui. Procuramos corrigir o que erramos, o professor tem nos alertado da qualidade do adversário, que vive bom momento. Mas sabemos das nossas qualidades e vamos tentar colocar em prática", disse.

O Inter promete usar reservas como forma de protesto à punição sofrida pelo atacante Nico López, suspenso pelo TJD-RS por mais dois jogos. Everton avalia que isso não traz mais pressão ao Grêmio.

"Creio que não (aumenta a pressão). Acho que em outras oportunidades quando enfrentamos times reservas o professor sempre nos alertou, que quando o adversário joga assim, sempre os caras vem para vencer, querem mostrar trabalho. Se optarem por jogar com a equipe assim, creio que vão dar o melhor deles. Nós do nosso lado vamos fazer nosso papel, independente de quem venha, queremos a vitória".

A tendência é que o Grêmio use a mesma escalação que perdeu por 1x0 para o Libertad, na terça, pela Libertadores.





VEJA TAMBÉM:
> Grêmio busca apenas sua segunda vitória no Brasileirão após retorno da pausa para Copa América
> Grêmio recebe o Athletico-PR em busca de melhor colocação no Brasileirão; saiba tudo
> Possível sucessor, Pepê volta a elogiar Everton: 'Um dos melhores do Brasil'


Comentários