Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Ex-presidente do Grêmio lamenta morte de Verardi: 'Perda irreparável'

Autor: Gremistas   •   25 de abril/2019    •       •   

Ex-presidente do Grêmio lamenta morte de Verardi:
Lucas Uebel/Grêmio
Ex-presidente do Grêmio na década de 90, época em que conviveu ativamente com Antonio Carlos Verardi, o "seu" Verardi, Luiz Carlos Silveira Martins, o Cacalo, lamentou bastante a morte do tradicional dirigente nesta quarta-feira.

Vítima de um câncer aos 84 anos, Verardi faleceu em Porto Alegre e teve um velório marcado por muita emoção de ex-dirigentes, treinadores e jogadores, que passaram pela Arena para dar o último adeus.

"Poucas pessoas personificaram e honraram tanto o clube quanto Seu Verardi. Seu trabalho, suas conquistas, seus conselhos, sua amizade e sua dedicação ao clube serão inesquecíveis. Nós todos, gremistas, sentiremos muito a sua falta. Descanse em paz, grande campeão. Estarás sempre em nossos corações. O seu falecimento significa uma perda irreparável para o Grêmio, para os familiares e amigos", lamentou Cacalo em sua coluna no site GaúchaZH.

O dirigente era o funcionário mais antigo do Grêmio, tendo 54 anos de casa. Na década de 80, foi um dos grandes responsáveis pela continuidade do atacante Renato Portaluppi no clube.
 





VEJA TAMBÉM:
> Compra de carro ainda repercute e Jean Pyerre rebate torcedor na web
> Chegada de David Braz depende de acerto de Marinho com o Santos
> Com dores, Paulo Miranda passará por novos exames no Grêmio


Comentários