Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Grêmio informa que vai recorrer à punição sofrida por racismo

Autor: Gremistas   •   19 de maio/2019    •       •   

Grêmio informa que vai recorrer à punição sofrida por racismo
Reprodução/Twitter
Na última sexta-feira, por 4 votos 1, o Grêmio foi punido pelo STJD com multa de R$ 30 mil pela suposta injúria racial ao atacante Yony González, do Fluminense, que teria sido chamado de "macaco" ao comemorar um dos gols da vitória do seu time por 5x4 na Arena.

Em nota oficial no site, que reproduzimos abaixo, o tricolor gaúcho informou que vai recorrer da pena:

Através de seu Departamento Jurídico o Grêmio se dirige à torcida tricolor para informar que aguarda a publicação do acórdão do julgamento da tarde desta sexta-feira, na 5ª Comissão Disciplinar do STJD, no qual o Clube foi multado em R$ 30.000,00 (trinta mil reais) com base no artigo 243-G, parágrafo 2º do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), para recorrer da decisão junto ao mesmo Superior Tribunal.

Durante o julgamento, o presidente da Comissão, Dr. Rodrigo Moraes Mendonça Raposo, defendeu a absolvição do Clube argumentando falta de provas que justificassem qualquer pena. Os demais auditores, em consonância com o argumento da falta de provas, votaram pela pena de R$ 30.000,00 por tratar-se de suposto caso de ato discriminatório relacionado a preconceito em razão de raça.

O Grêmio também informa aos seus torcedores que no decorrer do julgamento dois dos quatro auditores que votaram pela aplicação de multa declararam ter conhecimento, através de imagens, de quem proferiu as ofensas racistas.

Desde o dia 12 de maio, quando as redes sociais veicularam a acusação, o Grêmio buscou imagens e pediu ajuda para identificar de forma clara o autor da suposta injúria. Sem prova robusta de identidade, o Clube não se sentiu confortável para acusar culpados.







VEJA TAMBÉM:
> 'Não posso me abater', diz André sobre atual fase no Grêmio
> André diz que foi alvo de B.O por ter comemorado gol do Athletico
> Conmebol já divulgou quantos ingressos cada clube terá na final da Libertadores


Comentários