Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Com cenário político e jurídico estabelecido, Bolzan projeta reeleição: 'Vamos avaliar'

Autor: Gremistas   •   04 de junho/2019    •       •   

Com cenário político e jurídico estabelecido, Bolzan projeta reeleição:
Lucas Uebel/Grêmio
O grande desejo dos gremistas se tornou possível neste primeiro semestre. Fruto de mudança estatutária amparada pelo Conselho Deliberativo e também pelos sócios, o atual presidente Romildo Bolzan Jr está livre para concorrer no final do ano para mais um mandato de três anos na presidência do Grêmio.

Ele já ocupa o cargo desde janeiro de 2015 e se tornou praticamente uma unanimidade entre a torcida por conta de uma gestão marcada pelo equilíbrio financeiro e pelos títulos dentro de campo - já são seis oficiais desde o segundo semestre de 2016.

"O ajuste político pode haver, mas vamos avaliar se vale a pena e se realmente é importante ter a continuidade. A possibilidade de permanecer não me envaidece, mas todas as outras conquistas me deixa muito orgulhoso", comentou o presidente em entrevista à Rádio Gre-Nal nesta terça-feira.

Até o momento, nenhum nome de oposição ganhou força ou se lançou à mídia para concorrer ao próximo pleito. Nas últimas duas eleições, Bolzan venceu com facilidades Homero Bellini Jr, em 2014, e Raul Mendes, em 2016. Em caso de nova vitória, o atual mandatário poderá ter oito anos ininterruptos na presidência.





VEJA TAMBÉM:
> Sem tempo, irmão: Resposta 'curta e grossa' de Felipão após empate contra o Grêmio repercute na web
> Grêmio planeja nova rodada de reuniões para compra da gestão da Arena
> Pedido do Grêmio a Seleção Argentina fez com que Kannemann não fosse convocado para jogos amistosos em setembro


Comentários