Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Dirigente revela conversa e abre o jogo sobre Tardelli: 'Trouxemos para ser solução, não problema'

Autor: Gremistas   •   12 de julho/2019    •       •   

Dirigente revela conversa e abre o jogo sobre Tardelli:
Lucas Uebel/Grêmio
Diego Tardelli voltou a ser assunto polêmico no Grêmio. Pela segunda vez na semana, ele fica fora de uma partida sem um motivo muito claro. Na quarta, ausentou-se contra o Bahia por gastroenterite - agora, seguirá fora de combate no sábado contra o Vasco, pelo Brasileirão, também na Arena.

O atacante foi o principal assunto da entrevista do diretor de futebol, Deco Nascimento, à Rádio Bandeirantes nesta sexta-feira. O dirigente revelou que o jogador teve uma conversa com a direção e que problemas particulares, da parte dele, ainda precisam ser resolvidos.

"O Diego esteve quatro anos na China, com uma rotina de treinamentos e jogos diferentes. Está trabalhando para isso e há algumas questões particulares na cabeça dele que tiraram a confiança para jogar", disse Deco.

"Ele está tentando resolver ou resolveu parte dos problemas, isso vai muito na confiança dele. Tivemos uma conversa com ele, temos que aguardar. Trouxemos ele para ser uma solução para o Grêmio e não pode ser um problema", acrescentou.

Por outro lado, o diretor garantiu que o clube ainda conta com o atleta e espera que ele possa viajar na segunda-feira a Salvador, onde, na quarta, o tricolor reencontra o Bahia pela volta das quartas de final da Copa do Brasil.

"Esperamos que agora, segunda-feira, na viagem para a Bahia a gente possa contar com ele e tudo volte ao normal".

Por conta dos rumores de insatisfação e das críticas da torcida, Tardelli desativou o seu perfil no Instagram. Principal contratação da temporada, ele assinou contrato de três anos com o Grêmio.





VEJA TAMBÉM:
> Jean Pyerre lembra de Carol Portaluppi e ironiza zagueiro colorado: 'Usou o ingresso?'
> André provoca Inter após título do Athletico: 'Vizinha, chora não'
> Ex-Grêmio, Thonny Anderson canta '1 min de silêncio' e faz provocação ao Inter


Comentários