Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Jean Pyerre gostaria de entrar em campo ao lado de menino envolvido em agressão

Autor: Gremistas   •   22 de julho/2019    •       •   

Jean Pyerre gostaria de entrar em campo ao lado de menino envolvido em agressão
Lucas Uebel/Grêmio
O grupo do Grêmio segue mobilizado em reparar os danos causados ao garoto gremista, que viu sua mãe ser agredida no Beira-Rio neste sábado, após o Gre-Nal empatado em 1x1 pelo Brasileirão. Em entrevista coletiva nesta segunda-feira, Jean Pyerre revelou o desejo de estar com o torcedor o quanto antes for possível.

"Já conversamos entre a gente (jogadores) que queríamos ajudar, dar a oportunidade para ele ir no jogo quinta, talvez entrar conosco no estádio. Para viver uma coisa diferente da que ele viveu. Mas tem um pessoal que já está cuidando de tudo isso. É uma coisa lamentável, da forma que foi", comentou.

O jovem meia gremista revelou o quanto a ajuda, nesses momentos, é importante. Como exemplo, ele citou o apoio que recebeu quando a sua casa, em 2017, pegou fogo:

"Toda solidariedade, quando dá para ajudar, a gente sempre procura. Eu já fui ajudado pelo grupo quando pegou fogo na minha casa. Quando precisei de alguém, o pessoal me abraçou. Acho que a gente só não pode generalizar. Estava vendo hoje na internet que um torcedor do Inter se perdeu aqui na Arena e vi torcedores do Grêmio ajudando ele a achar o local. Os responsáveis já estão sendo acionados e que respondam pelo que fizeram", acrescentou.

Veja novamente as tristes cenas após o Gre-Nal:







VEJA TAMBÉM:
> Grêmio x Palmeiras - Links para assistir - Jogo ao vivo online - Libertadores
> Comentarista diz que jogadores do Palmeiras pediram a Felipão para colocar time no ataque contra o Grêmio
> Grêmio vende mais de 22.600 ingressos para duelo decisivo contra o Palmeiras; expectativa de público aumenta


Comentários