Aplicativo Gremistas
Baixe grátis na Play Store VER

Entenda as razões que levaram Paulo Miranda a mudar de nome no início da carreira

Autor: Gremistas   •   29 de julho/2019    •       •   

Entenda as razões que levaram Paulo Miranda a mudar de nome no início da carreira
Lucas Uebel/Grêmio
A partir das 20h desta segunda-feira, em Alagoas, o zagueiro Pedro Geromel terá como parceiro na defesa Jonatan Doin. Não, não se trata de algum novo reforço do Grêmio. Esse é o nome de batismo de Paulo Miranda, que se diverte ao relembrar como trocou de "identidade" ainda no início da carreira.

A situação ocorreu no início da temporada de 2008, durante a disputa do Campeonato Paranaense. Ele jogava no Irati e o técnico, na ocasião, achava o seu nome muito "meigo".

"Eu estava no Irati e o treinador falou que Jonatan Doin era muito meigo para zagueiro. Falou para acharmos um nome mais forte e começou a falar em Paulo isso e aquilo nos treinos. Aí o pessoal começou a chamar de Paulo Miranda, falaram que eu era parecido com ele. Lembra do Paulo Miranda do Vasco? Aí teve um jogo contra o Coritiba, que era na TV, e eu assinei Paulo Miranda na súmula. Falaram durante a transmissão e nunca mais saiu", revelou o jogador ao portal UOL.

No Grêmio, as brincadeiras correm solta por conta dessa mudança de nome:

"O Maicon é o primeiro a falar alguma coisa, sempre, é impressionante. O Marcelo Oliveira também gosta de tirar uma onda e até o Renato mexe comigo", diz Paulo Miranda. "Eu já tive que explicar muito a história quando ia em hospital fazer exame para o clube ou quando ia comprar alguma coisa".





VEJA TAMBÉM:
> Grêmio busca apenas sua segunda vitória no Brasileirão após retorno da pausa para Copa América
> Grêmio recebe o Athletico-PR em busca de melhor colocação no Brasileirão; saiba tudo
> Possível sucessor, Pepê volta a elogiar Everton: 'Um dos melhores do Brasil'


Comentários