Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Segurança da Arena ameaça com choque e revolta torcedores; empresa se manifesta

Enquanto se aglomeravam em uma estreita fila antes do jogo desta quinta, torcedores do Grêmio eram ameaçados por um segurança da empresa que presta serviços à Arena. O funcionário tinha em mãos um objeto que aplicava choque e gerou revolta por sua ação.
[bn]50[/bn]
Veja no vídeo abaixo:

A situação despertou a irritação até do ex-vice de futebol do clube, Odorico Roman, que cobrou explicações da Arena em postagem feita na sua conta oficial no Twitter:

"Esses fatos precisam ser apurados pela Arena. Se aconteceu o que está sendo relatado é muito mais grave do que um absurdo", escreveu.

Em comunicado, o Grupo Epavi, que presta segurança no estádio gremista, se posicionou sobre o episódio e anunciou a demissão do funcionário envolvido:
[bn]51[/bn]
"A Epavi lamenta profundamente o ocorrido na Arena do Grêmio na noite desta quinta-feira, 25, quando um de seus colaboradores teve conduta totalmente adversa ao procedimento padrão adotado pela empresa. O instrumento usado por ele não faz parte dos nossos equipamentos e foi utilizado sem o conhecimento de sua chefia. O funcionário está sendo desligado do nosso quadro. Reiteramos que a Epavi trabalha para oferecer segurança e tranquilidade às pessoas e continuará firme neste propósito, fazendo o possível para que não ocorram quaisquer situações diferentes aos protocolos internacionais de segurança, e garantindo que, caso ocorram, os responsáveis sejam punidos.

A Direção", diz a nota.
 

Veja mais

Comentários