Ir para o conteúdo principal

Dênis Abrahão sobre situação do Grêmio após derrota: “Acho que melhorou até”

Vice de futebol do Grêmio segue acreditando em reação

Reprodução / Grêmio FBPA

Em coletiva dada ao lado do técnico Vagner Mancini, o vice-presidente de futebol gremista Denis Abrahão evitou fazer terra arrasada depois da derrota de 3×1 para o América-MG e chegou a dizer que a situação “melhorou até” para a sequência no campeonato. E ele descartou a ideia de tirar Mancini do cargo neste momento.

“Não acho que ficou mais difícil. Acho que melhorou, até. Na terça-feira vamos entrar com muito tesão, mobilizados. Não vamos jogar a toalha. O Vagner segue com a gente até o final. Eu não tenho dúvidas do trabalho que está sendo feito”, disse, antes de reclamar novamente da arbitragem:

“Eu tomei três gols, mas vou falar da arbitragem. Com os outros é sempre pênalti, com o Grêmio não? Óbvio que passou pela arbitragem, antes de não marcarem o pênalti, estava 1×0. Por que contra o Grêmio nunca é? Não tem critério? Vale o que pra ti meu, caro? É o VAR que manda? É uma esculhambação. De novo o Grêmio foi prejudicado”, acrescentou.

Em relação à arbitragem, o Grêmio reclamou muito de uma penalidade máxima não dada – nem revisada pelo VAR – em Elias no primeiro tempo.

Agora, o Grêmio segue em 19° lugar com 29 pontos. Próximo jogo: Grêmio x Bragantino, terça, 18h, na Arena. Os 7 jogos restantes:

  • Bragantino (Arena) – 16/11
  • Chapecoense (Arena Condá) – 20/11
  • Flamengo (Arena) – 23/11
  • Bahia (Fonte Nova) – 26/11
  • São Paulo (Arena) – 02/12
  • Corinthians (Neo Química Arena) – 05/12
  • Atlético-MG (Arena) – 09/12

Você pode gostar

Comentários