Ir para o conteúdo principal

Desconcentrado, Grêmio joga mal, perde jogo chave para o Bahia e fica virtualmente rebaixado à Série B

Time foi derrotado facilmente pelo Bahia e ficou por detalhes para ser rebaixado à Série B.

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O Grêmio está virtualmente rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta sexta-feira, a equipe, completamente desconcentrada, foi derrotada sem dificuldades pelo Bahia na Arena Fonte Nova, em Salvador. Rafinha marcou o único gol do Tricolor na partida.

Aparentemente descompromissado, o Grêmio começou mal o jogo e antes mesmo dos 20 minutos já perdia por 2 a 0, após gols de Matheus Bahia e Raí. Os comandados de Vagner Mancini descontaram no segundo tempo, mas o time da casa voltou a abrir boa vantagem com Daniel, já na reta final da partida.

Classificação – Com o resultado, o Grêmio permaneceu na 18ª colocação com 36 pontos, agora a 4 pontos atrás do próprio Bahia, primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

Agenda – O Grêmio volta a campo somente no próximo dia 2 de dezembro, contra o São Paulo, na Arena, em duelo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Escalação inicial – Com cinco mudanças em relação ao time que começou o jogo contra o Flamengo, na última rodada, o técnico Vagner Mancini promoveu as novidades de Alisson e Victor Bobsin. Toda a formação foi desfeita antes mesmo dos 20 minutos. Bobsin cedeu a vaga para Campaz, que começou no banco de reservas devido a um mal-estar.

Os 11 iniciais: Gabriel Grando; Vanderson, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Thiago Santos e Victor Bobsin; Alisson, Villasanti e Ferreira; Borja.

Entraram no time no decorrer da partida, Rafinha, Diego Souza, Campaz, Jean Pyerre e Douglas Costa.

O jogo em rápidas palavras

Bastante apático e com doses de desinteresse, o Grêmio não ofereceu dificuldades ao Bahia, que saiu na frente logo no começo do jogo após falha de Gabriel Grando. Na pressão, o time baiano chegou logo ao segundo gol após nova falha do setor defensivo, mas desta vez de Pedro Geromel.

Com dois gols de vantagem, o Bahia só precisou administrar, já que o Grêmio, desorganizado, custou a oferecer perigo ao gol de Danilo Fernandes.

No segundo tempo, com a entrada de Douglas Costa, o time gaúcho até que melhorou, mas seguiu sem criar grandes oportunidades. O gol saiu dos pés de Rafinha, após falha do goleiro adversário na hora de afastar uma bola levantada na área. Dali em diante, o Bahia não deixou mais a bola rolar com muita cera.

O time baiano chegou a mais um gol em nova falha do sistema defensivo do Grêmio. Com Rafinha completamente deslocado, Daniel recebeu dentro da grande área e não teve dificuldades para finalizar, sem chances para Gabriel Grando.

Fim de jogo na Arena Fonte Nova. Bahia 3×1 Grêmio.

Veja mais em Brasileirão.

Você pode gostar

Comentários