Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Dirigente do Grêmio evita falar sobre futuro de Tardelli, mas ressalta “expulsão infantil”

Diego Tardelli comemora gol pelo Grêmio

Diego Tardelli comemora gol pelo Grêmio — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A expulsão de Diego Tardelli no confronto diante do Athletico-PR repercutiu negativamente no vestiário gremista. O próprio técnico Renato Portaluppi confirmou que o atacante receberá uma multa pelo comportamento inadequado, mas a situação reacendeu a discussão sobre o futuro do camisa 9.

Questionado sobre o tema, o diretor de futebol, Alberto Guerra, criticou a atitude do atleta.

“Ele vinha se recuperando, nos ajudou muito nos últimos jogos, teve atuações boas e marcou gols. Hoje teve uma atuação mais abaixo. Uma expulsão infantil”, disse o dirigente, que revelou que o atleta pediu desculpas após a derrota.

A possível saída do atacante após o término do Brasileirão, contudo, não é comentada publicamente. O futebol chinês está interessado no retorno de Tardelli, mas o jogador garante que não possui propostas. Guerra deixou claro que a direção debeterá o tema no futuro próximo.

“Isso é algo que vamos analisar depois de alcançarmos o objetivo de chegar no G-4. Daí faremos as nossas avaliações internas para o próximo ano”, se limitou a dizer.

Suspenso na próxima rodada, Tardelli deixa o time gremista e abre a possibilidade do retorno de André ao comando de ataque. A partir desta sexta-feira, Renato começará a projetar o duelo diante do São Paulo, na Arena, no próximo domingo.

Veja mais

Comentários