Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Dirigente do Grêmio mantém tom crítico ao Flamengo: “Privilegiadinho”

Dirigente gremista subiu o tom contra o Flamengo

Reprodução

Após a importante vitória de 1×0 diante do Flamengo neste domingo, no Maracanã, o vice-presidente de futebol do Grêmio Marcos Herrmann admitiu que a relação entre as duas diretorias está estremecida pelos últimos acontecimentos.

O tricolor gaúcho não esqueceu a postura do Fla em querer ter individualmente a torcida ao seu lado, baseando-se em liminar que só foi derrubada pelo STJD antes do jogo deste domingo.

No entendimento de Herrmann, o Flamengo vem sendo “privilegiadinho” em algumas decisões no futebol brasileiro.

“Essa questão não entrou no grupo de jogadores, que estavam focados no campo. Mas estremeceu as duas diretorias. Como ouvi de um dirigente do Flamengo, de que os 19 clubes não querem torcida. É óbvio que queremos, é óbvio. Nós vamos torcer para que as torcidas voltem o quanto antes para o estádio, mas para os 20 clubes, não para o ‘privilegiadinho’.”, colocou.

A CBF realizará um novo congresso técnico no próximo dia 28 para debater temas como a volta do público, que segue próxima de ocorrer.

Confira as entrevistas de Herrmann e Felipão:

Veja mais em Diretoria do Grêmio.

Comentários