Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Elkeson tem cláusula no contrato que evita “susto” na folha salarial

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O índice de acerto nas contratações do Grêmio não é dos melhores. E um dos nomes que até o momento não tem o rendimento esperado é do atacante Elkeson, que tem contrato apenas até dezembro deste ano. Contratado como a grande solução para o setor ofensivo do time de Roger Machado, o jogador ainda não correspondeu as expectativas.

+ Lesionado, atacante pediu ao Grêmio para não receber salários enquanto estivesse fora

No departamento médico desde o dia 15 de junho, Elkeson se recupera de uma lesão grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda. A última vez que esteve em campo foi diante do Sport, pela 12ª rodada da série B do Campeonato Brasileiro, e atuou por 77 minutos. 

Esta incógnita sobre seu desempenho abre outro questionamento importante: Sua permanência no clube para a temporada 2023. Durante as negociações com o jogador, a avaliação interna era de que Elkeson seria um nome interessante para uma eventual disputa de Série A do Campeonato Brasileiro. Justamente pensando nisso, algumas das cláusulas de seu contrato visam uma possível renovação de vínculo. 

Elkeson terá o mesmo salário em 2023 no Grêmio

Preocupado com a folha salarial, o Grêmio não aumentará o custo de Elkeson caso ele permaneça para a próxima temporada. Segundo o jornalista Diogo Rossi, existe uma cláusula no contrato do atacante que garante os mesmos vencimentos desta temporada em caso de renovação. 

Ou seja, mesmo que haja outros interessados em seu futebol, o tricolor não precisará cobrir nenhuma oferta. Com Diego Souza próximo de sua aposentadoria, Elkeson pode ser o único centroavante do elenco gremista para a próxima temporada. 

Elkeson disputou apenas 9 jogos com a camisa do Grêmio, e marcou 1 gol. A expectativa é que esteja à disposição do técnico Roger Machado nas próximas semanas. 

Veja mais em Jogadores do Grêmio.

Você pode gostar

Comentários