Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Ex-Grêmio relembra saída de Renato e diz que momento é de “dar menos entrevistas e resolver em campo”

Pitbull jogou no Grêmio bem no começo dos anos 2000

Lucas Uebel/Grêmio

Em entrevista concedida na tarde deste sábado, o ex-atacante gremista Cláudio Pitbull avaliou o momento do ex-clube e entendeu que até hoje muitas dificuldades são oriundas saída de Renato Portaluppi do comando técnico em abril.

Na avaliação do antigo jogador, que esteve presente no rebaixamento de 2004, o ideal neste momento é “menos entrevistas” e foco dentro de campo:

“Eu sempre falei que quando o Renato fosse embora o torcedor e o clube iam sentir muito. O Renato tinha tudo controlado dentro do Grêmio”, disse, antes de acrescentar:

“Não adianta falar. No momento o Grêmio tem que se fechar e dar menos entrevistas e resolver dentro de campo. Se o Grêmio não tiver o vestiário blindado, isso vai refletir dentro de campo”, disse em entrevista a Rádio Gre-Nal.

Pitbull também fez parte, vale lembrar, da campanha de 2003 em que o Grêmio se salvou na última rodada com vitória diante do Corinthians no Olímpico.

Neste domingo, a partir das 16h, o Grêmio volta a jogar precisando de apenas uma vitória contra o Santos para deixar o Z4.

Veja mais em Brasileirão.

Comentários