Ir para o conteúdo principal

Fala de Romildo Bolzan sobre Diego Souza contraria declaração recente de Dênis Abrahão

Dirigentes divergem sobre retorno do artilheiro, dispensado no último dia 15.

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A fala de Romildo Bolzan sobre a possibilidade de recontratar Diego Souza contraria a de Dênis Abrahão no último domingo. Na ocasião, o vice de futebol concluiu que o Grêmio precisava de “um time que corresse e desse carrinho” e que o artilheiro não se enquadraria.

“Vai ser difícil tornar (Diego Souza) competitivo. Queremos uma equipe que corra, dê carrinho e tenha marcação intensa. Ele não se enquadra nesse perfil”, afirmou Dênis Abrahão em entrevista à Rádio Guaíba, no domingo.

Nesta quarta-feira, no entanto, Bolzan afirmou que pode renovar o vínculo de Diego Souza, que encerra no próximo dia 31, mesmo que o clube já tenha anunciado a saída do jogador.

“Na verdade (o Diego Souza) era um jogador que estava encerrando o contrato. Ele teve altos e baixos, mas no final da temporada foi um grande jogador. Nós podemos tentar recontratar, por que não?”, disse Bolzan mais cedo.

Nas redes sociais, os torcedores se mostraram contrários ao “retorno” de Diego Souza, não pelo jogador, mas sim pela desorganização da direção liderada por Romildo Bolzan.

No mercado, Diego Souza está na mira de Vasco e Sport, ambos adversários do Grêmio na Série B de 2022.

Veja mais em Diretoria do Grêmio.

Você pode gostar

Comentários