Ir para o conteúdo principal

Grêmio acelera recuperação dos lesionados de olho no Brasileirão e Copa do Brasil

Ao todo, oito jogadores estão no DM atualmente.

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Os médicos do Grêmio estão com muitos compromissos para os próximos dias. O técnico Renato Portaluppi aguarda informações do DM para definir o time que encara o Santos nesta quarta-feira, na Arena, pelo Brasileirão. Ao todo, são 8 atletas que ocupam espaço no centro de tratamento do CT Luiz Carvalho.

A lista de problemas é longa, mas já há definições. Pedro Geromel e Leonardo Gomes, por exemplo, são atletas que compõem os nomes que desfalcam o time, mas ambos só retornam na próxima temporada. Por isso, a expectativa fica em torno dos outros seis jogadores.

Segundo relatos internos do clube, Pepê e Lucas Silva devem voltar a ficar à disposição já na quarta-feira. O otimismo está baseado na forma como os jogadores estão reagindo aos tratamentos. O atacante teve uma lesão pequena no quadril e foi preservado dos últimos dois jogos. Já Lucas Silva está com problemas no pé direito por conta de uma pancada que há muito tempo incomoda e por não ter lesão diagnosticada também deve regressar.

Diegou Souza, com dores na coxa, Diogo Barbosa, com dores no tornozelo, Diego Churín, com estiramento muscular, e Maicon, com dores musculares, são dúvidas. Os centroavantes tendem a permanecer afastados do time, já o lateral e o volante nutrem expectativas maiores. O treinamento desta tarde será marcado pelas reavaliações físicas e respostas devem ser obtidas pela comissão técnica.

As duas boas notícias para os gremistas estão associadas aos retornos de Matheus Henrique e Kannemann. Ambos ficaram de fora do duelo contra o Coritiba por conta das suspensões pelo terceiro cartão amarelo. Vanderlei também retomará seu posto, já que foi preservado no domingo.

Veja mais em Departamento médico.

Comentários