Ir para o conteúdo principal

Já campeão, Cuca revela motivação do Atlético-MG para o jogo contra o Grêmio

Treinador atleticano não revelou qual time botará em campo na quinta.

Reprodução / Sportv

Engana-se quem pensa que o Atlético-MG virá sem nenhuma motivação para jogar contra o Grêmio, na quinta-feira, uma vez que já é o campeão brasileiro. Nesta segunda, o técnico Cuca deu entrevista ao “Bem Amigos!”, do SporTV, falando da motivação em chegar aos 87 pontos.

O treinador lembrou que com uma vitória no jogo da Arena, que começa a partir das 21h30 de quinta, o Galo ficará atrás somente do Flamengo de Jorge Jesus em pontuação no Brasileirão com 20 equipes e de pontos corridos. Os cariocas, na época, foram a 90 pontos.

“Estou muito feliz com o desempenho que o Galo teve no campeonato. Estamos com 84 pontos e podemos chegar a 87, ser o segundo maior time que pontuador nos pontos corridos, atrás só do Flamengo de 2019, do Jorge Jesus. A gente está muito feliz com tudo isso”, frisou o treinador.

Sobre o seu momento individual, Cuca falou de uma possibilidade de trabalhar na Seleção Brasileira:

“Futebol é momento. para todos, é momento. Hoje é uma situação, amanhã muda completamente, a gente tem que entender e respeitar isso, para qualquer profissional. Lógico que o sonho de qualquer profissional, treinador, é a conquista maior, ser o comandante de uma seleção. Mas não tenho isso como utopia, vejo com muita naturalidade, estou muito feliz com os trabalhos que venho fazendo nos clubes e só tenho a agradecer por tudo o que Deus tem me presenteado na vida”, encerrou.

Todos os jogos da última rodada começam às 21h30 de quinta, e o time treinado por Vagner Mancini necessita desses três resultados para não descer de divisão:

  • Vitória própria em casa contra o Atlético-MG
  • Derrota do Bahia fora para o Fortaleza
  • Derrota do Juventude em casa para o Corinthians

Veja mais em Brasileirão.

Você pode gostar

Comentários