Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Leonardo Gaciba se manifesta após duras críticas de Renato: “Tem que ter respeito”

Chefe da comissão de arbitragem repercutiu as reclamações da rodada

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Ex-árbitro gaúcho e chefe da comissão nacional de arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba se manifestou um dia depois das fortes reclamações do técnico gremista Renato Portaluppi, que viu o seu time perder de 2×1 para o Santos fora de casa.

Além dele, Mano Menezes, do Bahia e Alexandre Campello, presidente do Vasco, também fizeram críticas às arbitragens brasileiras.

“Acima de tudo, críticas todos podem fazer. Fico feliz que as decisões técnicas estão sendo corretas. Isso é muito bom. Mas, independentemente de acerto ou erro, tem que manter o respeito. Um respeito mútuo, pois cobro dos meus árbitros. Eles devem respeitar para serem respeitados. Não estou falando de fatos específicos, mas a rodada como um todo algumas pessoas passaram da dose”, disse Gaciba ao Globoesporte.com, antes de continuar:

“Algumas atitudes que aconteceram fugiram ao tom da crítica, passaram do normal na questão de reclamações. Mas não é nosso papel tratar disso. É do STJD. Nossa função é continuar trabalhando com respeito e fortificar a arbitragem. Temos total autonomia na comissão de arbitragem. Não há nenhum tipo de interferência. Todos têm que ter independência em suas funções. Nós não temos interferência sobre clubes e eles não podem ter sobre a arbitragem. Críticas construtivas são muito bem-vindas e trabalhamos diuturnamente pela evolução da arbitragem, mas temos que manter isonomia”.

Renato até concordou com a marcação das duas penalidades para o Santos, mas se irritou quando o VAR sequer chamou o juiz em lance de bola no braço de Felipe Jonathan. O treinador gremista chegou a dizer que pegaria “mais pesado” com Gaciba daqui pra frente.

Clique aqui para receber todas as notícias do Grêmio em nosso grupo no Telegram.

Veja mais

Comentários