Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Luxemburgo conta detalhes da sua saída do Grêmio em 2013: “Não era o técnico do Fábio Koff”

Luxemburgo técnico do Vasco

Divulgação

Em alta pelo trabalho de recuperação no Vasco, o técnico Vanderlei Luxemburgo concedeu entrevista à Rádio Band nesta sexta-feira e deu detalhes de como aconteceu a sua saída do Grêmio em 2013.

Ele reconheceu que não era o técnico preferido do então presidente Fábio Koff, que o manteve por ser um desejo de grande parte da torcida. Luxa, em 2012, havia sido contratado na gestão de Paulo Odone.

“Na minha saída em 2013, eu sabia que não era o técnico do presidente Fabio Koff. Um dia ele mandou um recado para eu não escalar um determinado jogador. Pedi para que ele mandasse por escrito, para me eximir da responsabilidade. Foi toda uma situação criada para que eu saísse”, lamentou.

Luxemburgo não conquistou títulos em sua passagem pelo Grêmio, mas acredita que a era vencedora dos últimos anos começou a ser construída lá atrás:

“Os adversários hoje tem respeito pelo Grêmio. Foi muito legal trabalhar lá, com o Paulo Odone e com o Fábio Koff. Ali começou todo o trabalho, que resultou nos títulos que o Grêmio conquistou. Fico feliz em ter participado disto”, finalizou.

Veja mais em Diretoria do Grêmio.

Veja mais

Comentários