Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Matheus Henrique lembra que não citou nomes na provocação do “cheirinho”, mas brinca: “Se a carapuça serviu…”

Camisa 7 gremista deu explicações nas redes sociais

Reprodução / GrêmioTV

Menos de 24 horas depois de fazer uma forte provocação envolvendo o tal gesto do “cheirinho”, que foi atribuída como resposta ao atacante rival Thiago Galhardo, o volante gremista Matheus Henrique fez uma nova postagem na web nesta segunda-feira “se explicando”.

O camisa 7 tricolor lembrou que não citou nenhum nome, mas que se “a carapuça serviu” ele não poderia fazer nada:

Galhardo, depois da vitória do Inter por 2×1 no Beira-Rio pelo Brasileirão, abriu uma live também fazendo gestos de “cheirinho” – até flamenguistas se incomodaram na época.

Neste domingo, depois do título gaúcho na Arena, Matheus Henrique respondeu da seguinte maneira:

Veja mais em Jogadores do Grêmio.

Comentários