Ir para o conteúdo principal

Após Suárez, Alberto Guerra sai com a sensação que recolocou o Grêmio "no seu lugar"

A felicidade do presidente do Grêmio, Alberto Guerra, foi grande durante a apresentação do atacante uruguaio Luis Suárez. No discurso, já tratou o jogador como o novo “ídolo” gremista e depois, em seu Twitter, se empolgou ainda mais com o momento vivido logo no princípio da gestão:

+ Em recado à Suárez, Lugano deixa alerta sobre o Grêmio: “Vai te exigir muito”

“Muito feliz e emocionado de proporcionar para a nossa torcida um espetáculo tão grandioso como o dessa noite. Hoje, nós recolocamos o Grêmio no seu devido lugar. Tudo é possível quando se tem em mente a grandeza que o Grêmio tem!”, postou Guerra, antes de ampliar:

“Um obrigado especial aos tricolores, por acreditarem! Mais de 32 mil gremistas estiveram recepcionando o nosso camisa 9! O ano de 2023 está apenas começando, e eu não tenho dúvidas de que será um ano que fará a torcida sentir muito orgulho de ser Azul, preto e branco!”.

“Vivemos de loucura”, diz Antônio Brum sobre Suárez

Presente na coletiva ao lado de Luis Suárez, o diretor de futebol Antônio Brum rebateu os críticos e falou para os que não acreditavam na possibilidade desta contratação:

“Quando a gente começou a falar em Suárez no Grêmio, todo mundo falou que era uma loucura. Mas a gente não se abalou, pois vivemos de loucuras. Também falavam: ‘Quem vocês pensam que são, estão voltando da Série B’. Meu pai me ensinou que, quando se fala de Grêmio, nada pode ser maior. Que o Suárez seja o símbolo dessa reconstrução de volta aos títulos”, disse Brum.

Suárez terá o mais alto salário do atual elenco do Grêmio e assinou contrato que será válido por duas temporadas.

Voltar para o topo