Ir para o conteúdo principal

Brenno diz ter a mesma dor do torcedor e quer transformar trauma do rebaixamento em “força” pra subir

Reprodução

Atual reserva do Grêmio em função do rápido crescimento de Gabriel Grando, o jovem goleiro Brenno acompanhou de fora as rodadas finais do drama gremista em tentar – em vão – escapar do terceiro rebaixamento de sua história. Triste, dizendo ter a mesma dor do torcedor, o jovem se manifestou nas redes sociais nesta terça.

Segundo ele, o clube precisa transformar a “dor” do rebaixamento em força para que o retorno à elite não seja tardio:

“Minha vida se divide entre antes e depois do Grêmio. E eu aprendi que ser gremista é não se entregar nunca, é lutar até o fim. Porque esse clube tem alma, tem história. É por ela que eu sempre entrei em campo da base até o profissional. Porque eu sou só mais um torcedor, mas que tem a honra de representar as cores do Grêmio dentro de campo. E tenho a certeza de que a dor do nosso momento vai se transformar na força que precisamos ter para recolocar o clube onde ele sempre mereceu ficar”, declarou o jogador.

Brenno virou titular do Grêmio no início de 2021 em função dos afastamentos de Vanderlei e Paulo Victor. Ele só veio a perder a titularidade durante as Olimpíadas de Tóquio, quando Gabriel entrou e tomou conta com boas atuações.

Veja o post de Brenno: