Ir para o conteúdo principal

“Gênio”: Tiago Nunes classifica equipe peruana na Libertadores e é exaltado por imprensa local

Tiago Nunes no Sporting Cristal – Foto: Divulgação

Revolucionou o futebol. Assim a imprensa peruana vê o trabalho de Tiago Nunes, técnico ex-Grêmio, que atualmente comanda o Sporting Cristal. Após classificar o time para a fase de grupos da Libertadores, o treinador foi enaltecido pela imprensa local.

+ Ex-Grêmio, Jael se irrita e discute com mascote de time adversário durante o jogo

“Em quatro meses o professor Nunes conseguiu dar um rumo ao time, e potencializou o Sporting. Aposta do Nunes nos garotos da peneira (categoria de base) foi certeira. Nunes é um gênio, revolucionou o futebol aqui”, diz parte de uma matéria pelo jornal peruano “Expresso”.

Tiago Nunes foi confirmado como técnico do Sporting Cristadl em novembro de 2022. Desde então, comandou a equipe peruana em oito oportunidades, com três vitórias, quatro empates e apenas uma derrota.

No Grêmio, o treinador teve um começo de trabalho arrasador, com ótimos resultados e uma série invicta. No entanto, o desempenho começou a cair vertiginosamente no início do Campeonato Brasileiro, resultando na sua demissão.

Tiago Nunes teve desentendimento com Renato

No ano passado, Tiago Nunes e Renato Portaluppi trocaram farpas por declarações do antigo treinador do Grêmio ao canal do jornalista Duda Garbi. A preparação física e os métodos de trabalho de Renato foram criticados por Tiago.

“O Grêmio teve um problema seríssimo de preparação física. O Reverson (Pimentel, preparador físico), quando cheguei, estava tentando melhorar. Os caras jogavam futevôlei fora do horário de treino para compensar o que não treinavam. Tivemos que acabar com algumas coisas ali dentro que eram surreais. O futebol não estava tão profissional como deveria ser. Quando a gente começa a sistematizar algumas coisas, gera a discórdia, atrito e divergência”, revelou Tiago.

A afirmação do treinador foi respondida por Renato Portaluppi durante uma entrevista coletiva. O técnico gremista mostrou insatisfação com as declarações de Tiago Nunes.

“O Tiago Nunes já tinha feitos críticas e me calei. O que ele ganhou até hoje? Os jogadores pediam para acabar (os meus treinamentos). Sempre treinei bem, os oito títulos que ganhei tinham futevôlei. Estou cansado de ouvir coisas mentirosas e me calar. Cada um fala o que bem entender, mas precisa bancar. Por que não falou isso quando estava aqui no Grêmio? Quando não tem capacidade, arranja desculpas. Trabalhou três meses no Ceará, outros três no Corinthians. Lá tinha futevôlei? Toda vez que achar que precisa dar folga, darei”, afirmou Renato.

Voltar para o topo