Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Romildo diz que saída de Douglas Costa foi consensual. Veja o valor que o jogador receberá

Meia-atacante deverá jogar no futebol dos Estados Unidos

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Apesar de Douglas Costa ter manifestado a vontade de ficar no Grêmio em textos postados nas redes sociais, o presidente gremista Romildo Bolzan Jr, em coletiva de imprensa nesta quarta, garantiu que a saída foi consensual e que o atleta também tinha o desejo de deixar a Arena.

A negociação durou algumas boas semanas de janeiro e foi liderada diretamente por Bolzan da parte do Grêmio, que passou a considerar o jogador caro para a nova realidade.

“A saída foi consensual. Vou dizer que foi ao natural. O desejo do jogador, creio eu, também era de saída. Tínhamos a possibilidade de ficar e admitimos isso na negociação. Mas o negócio andou pra lá, pra cá. Mas por respeito ao jogador, o assunto está resolvido. À torcida do Grêmio, preciso dizer que era isso que o Grêmio responsavelmente precisava fazer. E fez. Estou tranquilo em relação a isso”, comentou Romildo.

Bolzan também indicou que o destino do ex-camisa 10 gremista será mesmo o Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos:

“Todas as partes assinaram. Existem cláusulas de confidencialidade ali. Duas situações de pagamento diferentes se viesse interesse de clube de fora e do país. Pelo que entendi, o jogador vai para os Estados Unidos. Não posso abrir os números aqui por uma questão de respeito entre as partes”, encerrou.

Pela rescisão, o Grêmio pagará cerca de R$ 7 milhões em 48 parcelas a partir de janeiro do ano que vem.

Veja mais em Romildo Bolzan.

Você pode gostar

Comentários