Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Thiago Neves revela que dirigente “encheu o saco” para sua saída do Grêmio

Jogador explicou saída conturbada do Grêmio em setembro de 2020.

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Sete meses após sua saída do Grêmio, o meia Thiago Neves parece não ter digerido totalmente como as coisas aconteceram. O jogador teve o seu contrato rescindido pelo clube após pressão por parte da torcida e a possibilidade de renovação automática do vínculo.

Thiago Neves fez elogios ao presidente Romildo Bolzan, mas afirmou que sua saída se deu por conta de Paulo Luz, o então vice de futebol que deixou o clube no início deste ano.

“O Romildo sempre foi correto. Quem encheu o saco para a minha saída foi o tal de Paulo Luz. Quando eu cheguei, único da direção que me deu um apoio, se eu precisava de alguma coisa, foi o presidente”, disse o jogador em entrevista ao canal “Alê Oliveira”, no YouTube.

Atualmente no Sport, Thiago Neves chegou ao Grêmio no início de 2020 após insistência do técnico Renato Portaluppi em sua contratação. No clube, disputou 14 partidas e marcou apenas 1 gol.

Comentários