Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Tiago Nunes pode ser a continuação de Roger e Renato no Grêmio, afirma Bolzan

Romildo Bolzan fala em "continuidade" de trabalho na comissão técnica

Eduardo Muniz / Grêmio FBPÀ

Convicto de que acertou ao efetuar a contratação de Tiago Nunes para o comando técnico, o presidente gremista Romildo Bolzan Jr crê em continuidade de trabalho e não em rupturas drásticas. Neste sentido, ele concedeu entrevista ao jornalista Mauro Cezar Pereira, n programa “Dividida”, do UOL Esporte.

No bate-papo, Bolzan citou os principais títulos da carreira de Nunes e também a sua habilidade em trabalhar com a base, que é prioridade para o clube:

“O Tiago Nunes já trabalhou na nossa base. É um treinador da escola gaúcha de fazer futebol. Está acostumado aos ambientes daqui. Conhece o futebol brasileiro e o futebol do Grêmio, bem como as circunstâncias que envolvem o futebol gremista. E também porque, depois disso, teve duas conquistas relevantes e importantes. Disputou também uma final de Paulista pelo Corinthians. Experiências que revelaram nele um profissional preparado, estudioso e uma pessoa muito bem posicionada, com capacidade de trabalho. O Grêmio entende que ele tem aqui totais condições de fazer o que fez nos outros clubes”, justificou o mandatário, antes de acrescentar:

“Eu acho que a vinda do Tiago significa uma sequência, pois na verdade aquilo que o Renato fazia o Tiago pode adaptar com os jogadores que tem, com os da base e com os que podem vir. Com futebol intenso, de posse, agressivo. E principalmente um jogo pra frente. Ele demonstrou nos seus outros times e pode demonstrar aqui, que já era um perfil semelhante ao que fizeram o Roger e o Renato”.

Até agora, o novo treinador gremista tem 100% de aproveitamento em duas partidas, tendo vencido o Ypiranga por 3×2 e o Lanús por 2×1

Veja mais em Romildo Bolzan.

Comentários