Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Antes do primeiro Gre-Nal, Miguel Ángel Ramírez elogia Renato e o Grêmio: “Jogadores se conhecem pelo olhar”

Treinador espanhol vem iniciando o trabalho no Internacional

Ricardo Duarte / Internacional

Após ver o seu Internacional empatar em 0x0 em casa diante do São José nesta quarta-feira, o técnico espanhol colorado Miguel Ángel Ramírez projetou a disputa do primeiro Gre-Nal da temporada, ainda pela primeira fase do Gauchão, que será jogado na Arena, sábado, 22h15.

Ele negou estar ansioso e, ao mesmo tempo, fez elogios ao colega rival Renato Portaluppi e ao time do Grêmio.

“Não estou ansioso, mas com muita ilusão de jogar. Nunca sonhei que iria viver isso como treinador. Me faz muito feliz poder ter esta grande responsabilidade. Sei dos números na Arena, que não são muito favoráveis a nós. Mas isso me motiva mais. Vamos, temos que ganhar. Eu sei da importância do jogo para cidade. Não vivo fora de Porto Alegre, vivo na cidade e vejo as pessoas”, afirmou o treinador, antes de elogiar o Grêmio:

“O Grêmio tem um grande treinador, que está há muito tempo no comando e isso facilita para todos do plantel. Se jogadores saem e chegam, o grupo se mantém e já sabe o que o treinador quer. Quem chega, se adapta mais rápido porque vê o funcionamento coletivo. Então, a estabilidade facilita muitos processos. Os jogadores se conhecem pelo olhar. Sabemos que é um time muito bom, que tem suas capacidades e vamos tratar de aproveitar as debilidades que encontrarmos, mas não vou contar quais pontos fracos são estes”, sorriu o comandante vermelho.

Ramírez ainda se permitiu fazer uma brincadeira ao dizer que, nas ruas de Porto Alegre, vê mais colorados do que gremistas:

“Não estou sendo hipócrita, eu vejo mais camisas do Internacional nas ruas. Eu saio com minha namorada no carro e a gente fica contando ‘um colorado, um colorado, outro colorado, outro colorado, aí um tricolor, outro colorado e outro colorado. Essa rivalidade é linda e motiva a todos”, concluiu.

Veja mais em Clássico GreNal.

Comentários