Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Atual presidente do PDT/RS, diretor médico do Grêmio comenta chance de candidatura de Bolzan

Ciro Simoni falou sobre a situação do seu colega de partido

Lucas Uebel/Grêmio

O diretor médico do Grêmio, Ciro Simoni, que também é presidente estadual do PDT, mostrou certo incômodo ao falar de política sem querer misturar com futebol.

Mas, ao mesmo tempo, fez comentários a respeito da possível candidatura de Romildo Bolzan Jr, pelo PDT, ao Governo do RS:

“Não misture uma coisa com a outra. Eu não vou misturar as duas questões. Hoje de manhã estou médico. Saí para dar entrevista a vocês. Questões outras fora o Grêmio eu me reservo para outra oportunidade. Essa é uma questão que quem deve resolver é o Romildo. Ele é a pessoa que tem que decidir. Está na mão dele e não na nossa”, disse Simoni, em entrevista à Rádio Bandeirantes, antes de ressaltar o histórico político de Romildo:

+ Para comentarista, está faltando “transparência” para Bolzan na presidência do Grêmio

“Um homem como o Romildo, que foi meu vice-prefeito e depois prefeito por três mandatos, depois presidente do partido. Ele tem uma vida política e todos sabem disso. Nesse momento, os companheiros dele desejam que ele se candidate. Mas a decisão de sair do Grêmio é dele. É natural que quem estava acostumado com ele na política deseje o seu retorno”.

Bolzan, segundo informações do site GZH, tem até o dia 5 de agosto para tomar a decisão. Publicamente, o suspense ainda segue.

Você pode gostar

Comentários