Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Bolzan banca Felipão e elogia “dignidade” dos jogadores: “Me dá confiança”

Tricolor segue o seu martírio dentro do Brasileirão de 2021

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Após a frustrante derrota do Grêmio pelo placar de 1×0 para o Santos, na Vila Belmiro, o presidente gremista Romildo Bolzan Jr concedeu entrevista coletiva e descartou mudar o técnico Felipão, demonstrando até certo incômodo com a pergunta sobre o futuro.

“Acabamos de fechar a roda, cada um fez sua manifestação. Por mais jornalístico que seja, esse não é o momento de falar sobre isso (possível troca). Nós estamos machucados, doídos, tristes. Ser conselheiro de horas tristes é ficar um pouco calado e pensar no que fazer”, disse.

O mandatário reforçou a confiança que tem nos jogadores e elogiou a “dignidade” do time demonstrada em campo:

“Eu acredito no grupo de jogadores. Vi entrega, vi dignidade. Vi um grupo querendo vencer. Quando a gente vê certos requisitos, a gente acredita. O que me deixa confiante é atitude. Blindar as coisas, organizar as coisas internamente”.

Se tivesse vencido o Peixe fora de casa, o Grêmio teria enfim saído da zona do rebaixamento. Mas, agora, a situação complicou bastante com cinco pontos de diferença para o próprio Santos, que é o 16° com 28 pontos – o tricolor é agora o vice-lanterna com 23.

Veja mais em Brasileirão.

Comentários