Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Carlos Eduardo relembra vice da Libertadores com o Grêmio: “Riquelme fez a diferença”

Carlos Eduardo

Foto: AFP

Com Carlos Eduardo como válvula de escape no setor de ataque, o Grêmio mantinha as esperanças de se tornar tricampeão da Libertadores em 2007. Mas a força e a qualidade do Boca Juniors na grande final acabaram falando mais alto.

Em entrevista concedida nesta semana ao Gremistas.Net, o atual jogador de 32 anos, que está sem clube no momento, colocou Riquelme como o fator diferencial das partidas decisivas daquele ano:

“No primeiro jogo daquela final contra o Boca nós estávamos bem em campo, mas até tomar o primeiro gol. Depois vacilamos bastante durante a partida e complicou. Mas é claro que o Boca tinha uma grande equipe e o Riquelme, pelo que jogou, fez toda a diferença”, avaliou.

Cadu, como é chamado, foi vendido pelo Grêmio ainda em 2007 por 8 milhões de euros ao Hoffenheim, da Alemanha. Além de passagens pela Seleção, ele ainda defendeu camisas como o Rubin Kazan, o Atlético-MG, Flamengo, Vitória, Paraná e Coritiba. Mas deixa bem claro qual é a mais especial da carreira:

“O Grêmio foi onde tudo começou. A minha história dentro do futebol eu devo muito ao tricolor por tudo que o clube me proporcionou. É uma camisa que vai estar sempre no meu coração”, concluiu.

Veja mais em Copa Libertadores.

Veja mais

Comentários