Ir para o conteúdo principal

Contratação de Everton pelo Benfica e outras 54 estão sendo investigadas pelo Ministério Público de Portugal

Suspeita é de desvio de dinheiro. Jogadores não estavam envolvidos.

Filipe Amorim / Getty Images

A contratação de Everton Cebolinha pelo Benfica está sendo investigada pelo Ministério Público e a Polícia Judiciária de Portugal. Outros 54 reforços do clube português, incluindo os ex-gremistas Jonas e Marçal, estão sob análise das autoridades locais.

Há suspeita de irregularidades no pagamento de comissões para agentes e intermediários durante o mandato do presidente Luís Felipe Vieira, que se estendeu entre as temporadas de 2010 e 2020. O dirigente chegou a ser preso no ano passado.

Conforme apontam as investigações, o ex-mandatário recebia de volta parte dos valores pagos em luvas referente a contratações e renovações de contratos no Benfica. O desvio teria sido de 10 milhões de euros, algo em torno de R$ 65 milhões.

Ainda segundo as investigações, os jogadores que foram contratados ou que tiveram seus vínculos renovados, não faziam parte do esquema de desvio de dinheiro.

Ao todo, são 55 negociações suspeitas. Destas, 15 são de jogadores brasileiros.

Você pode gostar

Comentários