Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Da mini-coletiva ao gol inesperado: cinco fatos marcantes dos três Gre-Nais em 10 dias

Foi Gre-Nal para ninguém botar defeito. Em menos de duas semanas, as duas maiores equipes do Rio Grande do Sul se enfrentaram três vezes e decidiram um dos semifinalistas do Gauchão. Melhor para o Grêmio, que fez valer a vantagem construída na Arena e se classificou para a semi. Selecionamos abaixo cinco fatos que marcaram o desempenho tricolor nessa sequência de clássicos.

E a coletiva, Renato? Com muita pressa por conta de um voo, alegando atraso, Renato fez um mini-pronunciamento na coletiva de imprensa após a vitória por 2×1 sobre o Inter, no Beira-Rio, pela rodada final da primeira fase do Gauchão. Mesmo com a sala cheia de repórteres, nenhum deles teve a chance de fazer perguntas ao técnico.

Maicon x D'Ale: Renato orientou e o seu capitão cumpriu. A ordem era alegar ao árbitro Jean Pierre Lima que D'Alessandro não poderia apitar o jogo. Resultado: uma inédita briga no cara ou coroa…

O gol inesperado: Talvez até em defesa do seu jogador, Renato fez questão de dizer que não se surpreendeu e sabia do potencial de Jael cobrando faltas. Mas quem mais poderia imaginar essa pintura?

O "olé": Com o Inter completamente atordoado e sem reação depois de levar 3, o Grêmio trocou passes tranquilamente esperando o final do jogo na Arena e ainda foi brindado com um "olé" das arquibancadas.
 

Recado de Bressan: Após a classificação no Beira-Rio, Bressan mandou um leve recado aos críticos.
 

Veja mais em Sem categoria.

Comentários