Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Dênis Abrahão cita dois fatores que impediram a vitória do Grêmio contra a Chape

Reprodução

O Grêmio foi a Santa Catarina para enfrentar a Chapecoense com a expectativa de uma vitória, mas retorna ao Rio Grande do Sul comemorando o empate em 0 a 0. As circunstâncias do jogo mudaram a estratégia traçada pelo técnico Roger Machado antes do confronto.

+ O que disseram os jogadores do Grêmio após o empate com a Chapecoense

Ainda no primeiro tempo, o tricolor sofreu com a substituição por lesão de Ferreira, um dos principais nomes do time, e com a expulsão de Bitello após cartão vermelho direto. Para o vice de futebol Dênis Abrahão, estes dois fatores dificultaram, e muito, as coisas para o Grêmio em Chapecó.

“Acho que o Grêmio teve um ponto ganho aqui e só não teve um melhor resultado, por tudo o que foi planejado, devido à expulsão e, também, devido à lesão do Ferreira”, disse o dirigente em entrevista após o jogo.

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 37 pontos e se manteve na vice-liderança da Série B, mas pode perder a posição em caso de vitórias de Vasco e Bahia (veja a classificação). O tricolor volta a campo no próximo dia 5 de agosto para enfrentar o Guarani-SP, fora de casa, às 21h30.

Você pode gostar

Comentários