Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Dirigente esclarece situação de dívida do Barcelona com o Grêmio

Durante a semana surgiu a informação de que o Barça deveria depositar R$ 43,1 milhões ao Tricolor

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Em matéria no início deste mês de outubro, o site “2PlayBook” expôs a grave crise financeira que atravessa o Barcelona e uma suposta dívida milionária, no valor de R$43 milhões, com o Grêmio em relação a compra do volante Arthur.

No entanto, o CEO do Grêmio, Carlos Amodeo, em conversa com o portal GZH, explicou o episódio e garantiu que os valores que o Tricolor deveria receber já foram depositados.

“O Grêmio recebeu o valor à vista mediante a estruturação de uma transação financeira realizada pelo Barcelona e o Grêmio junto a um fundo de investimento europeu. Assim, embora o balanço do Barcelona indique o Grêmio como credor, o valor é devido ao referido fundo”, garantiu Amodeo.

Joia da base do clube, Arthur é a maior venda da história do Grêmio. Sua transação, com metas batidas, chegam ao valor de R$ 128,8 milhões. Para aumentar os números, com sua transferência para a Juventus, o Grêmio recebeu mais R$15,5 milhões, graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa.

Veja mais em Mercado da Bola.

Comentários