Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Em biografia, D’Alessandro dispara contra Maicon ao comentar reunião para diminuir “cornetas”

Episódio ficou conhecido com a briga dos jogadores no cara ou coroa de um clássico

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Em biografia lançada nesta semana, o meia D’Alessandro, ídolo do Internacional, revelou com riqueza de detalhes o tema da reunião que teve com alguns jogadores do Grêmio antes de a bola rolar em um clássico Gre-Nal de 2018.

D’Alessandro conta que convidou Pedro Geromel, Marcelo Grohe e Maicon para uma conversa e pediu para que não houvesse tantas “cornetas” após o jogo. Caso o Inter vencesse, seus companheiros também iriam maneirar nas provocações pós-clássico.

“Cinco pessoas (que estavam na reunião) entenderam, Maicon não. Saiu dali dizendo que tínhamos pedido para não debocharem. O fotógrafo deles tirou uma foto sem que autorizássemos. Quis fazer média com a torcida, que tinha ido protestar uns dias antes. Foi um irresponsável”, disparou D’Alessandro contra Maicon.

Em sua defesa, Maicon afirmou em várias entrevistas que não “aliviaria” nas brincadeiras e que D’Alessandro costumava fazer as mesmas quando o Internacional conquistava consecutivas vitórias sobre o Grêmio.

“Ele (D’Alessandro) esqueceu que era a peça principal e que sempre fez deboche com o Grêmio, ofendendo, xingando. Aqui se faz, aqui se paga. Eu disse para os meus companheiros que ele tinha ido no vestiário para pedir isso aí (diminuição nas cornetas), e a resposta foi que não tem arrego”, disse Maicon em entrevista coletiva na época.

Veja mais em Clássico GreNal.

Comentários