Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Em evento do Inter, D’Alessandro cita o Grêmio como exemplo a ser seguido

Em um evento organizado pelo Internacional, que comemorou 109 anos desde sua criação nesta semana, o meia D'Alessandro falou sobre o momento – nada bom – vivido pelo clube vermelho.

Segundo o argentino, o Inter deve seguir os passos de reestruturação do Grêmio, que começou com Felipão, passou por Roger e que agora colhe os bons frutos com Renato Portaluppi.

– "Temos a consciência que os últimos anos não foram fáceis. Estamos reerguendo o clube. Tudo isso é um processo. Não é de um dia para o outro que vamos montar um time campeão. Sabemos disso porque já aconteceu algumas vezes. Os processos não acontecem em seis meses. Isso leva tempo. Nosso co-irmão passou anos sem ganhar títulos e começou com Felipão, Roger e agora o Renato a vencer", afirmou D'Alessandro.

O processo de reestruturação do Grêmio começou em 2015, quando o presidente Romildo Bolzan assumiu a presidência do clube que, na ocasião, estava praticamente falido. Com a política de cortar os gastos, jogadores como Barcos e Marcelo Moreno foram negociados em prol de uma folha salarial mais baixa. Um teto salarial foi determinado e jogadores com o perfil "bom, bonito e barato" passaram a ser contratados. Quitar dividas e não criar novas também é uma característica de Romildo Bolzan a frente do clube.

Veja mais em Sem categoria.

Comentários