Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Giuliano rescinde com clube árabe e Grêmio liga alerta para repatriar o jogador

Jogador acertou sua rescisão com o Al-Nassr nesta terça-feira

Giuliano pode estar retornando ao Grêmio em 2020

Giuliano pelo Grêmio em 2015 — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A terça-feira começou com uma notícia interessante para o Grêmio no mercado de transferências: Giuliano rescindiu com o Al-Nassr. O jogador comunicou seu desligamento do clube nesta terça-feira (29).

“Eu gostaria de agradecer aos torcedores do Al-Nassr pelos dois anos de muitas emoções que tivemos juntos. Vencemos a Liga e a Supercopa e foi incrível. Por razões que não quero falar agora, estou deixando o Al-Nassr hoje. O Al-Nassr faz parte da minha carreira e estou agradecido pela oportunidade de fazer parte da história do clube. Gostaria de agradecer aos meus companheiros por tudo e desejar a eles o melhor”, escreveu Giuliano em sua conta no Twitter.

O Grêmio já havia tentado em outras oportunidades repatriar Giuliano, mas pelas políticas de contratação do clube, pagar por uma rescisão estava fora de cogitação.

Agora, com Giuliano livre no mercado, o Grêmio analisa uma possibilidade de contratar o atleta. Desde que deixou o tricolor, na metade de 2016, o jogador vestiu a camisa do Zenit, da Rússia, do Fenerbahce, da Turquia e do Al-Nassr, da Arábia.

Com a camisa do Grêmio, Giuliano tem 108 jogos realizados e 18 gols marcados. O atleta chegou em 2014 e ficou até meados de 2016, na Arena. A venda de Giuliano rendeu cerca de 7 milhões de euros ao Grêmio.

Clique aqui para receber todas as notícias do Grêmio em nosso grupo no Telegram.

Veja mais

Comentários