Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Goleiro do Fortaleza explica pênalti defendido em cobrança de Diego Souza: “Um pouco de instinto”

Felipe Alves foi um dos grandes nomes do Fortaleza na noite de domingo

Reprodução / TV

Assim como já fizera no jogo da Arena no Brasileirão do ano passado – apesar daquela cobrança ter sido mandada voltar -, o goleiro Felipe Alves voltou a defender uma penalidade máxima de Diego Souza e ajudou o Fortaleza a sair da Arena com um 0x0 neste domingo.

Segundo o arqueiro, o instinto na hora da batida e também o auxílio dos profissionais da análise de desempenho do Leão foram fundamentais:

“Eu já tinha pego um pênalti dele (Diego Souza) no ano passado também. Foi um pouco de instinto, mas também teve a ajuda do pessoal da análise de desempenho. Foi um pouco de indução também, para ele bater no canto que escolhi. Poucas equipes vão tirar pontos do Grêmio aqui. Então, agora é fazer o dever de casa contra a Chapecoense e tentar somar pontos fora de casa”, comentou o goleiro depois do jogo.

A curiosidade neste caso é que o Fortaleza também teve uma penalidade a seu favor na partida. Antes do erro de Diego Souza, Yago Pikachu parou em boa defesa do goleiro gremista Gabriel Chapecó.

Último do Brasileirão com 2 pontos em cinco jogos, o Grêmio tenta sorte melhor na quarta-feira diante do Juventude, fora, às 21h30.

Veja mais em Brasileirão.

Comentários