Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Grêmio afasta Ferreira por falta de acordo em renovação contratual; negociações seguem

Clube negocia renovação contratual com o atacante, mas pedida inicial é alta

Ferreira comemora gol pelo Grêmio — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Um desacordo entre o Grêmio e o empresário do atacante Ferreira, Pablo Bueno, acarretou no afastamento do jovem das atividades com os demais jogadores do clube. Os dirigentes gremistas tentam uma renovação contratual com o atleta, mas as conversas não evoluíram.

Ferreira é admirado pelo técnico Renato Portaluppi, que quer sua continuidade no clube. Contudo, os valores pedidos pelo empresário do atacante são considerados fora da realidade pelo Grêmio, que ofereceu uma quantia menor pela ampliação do vínculo e ouviu um “não” como resposta.

O afastamento é uma estratégia do clube na tentativa de acelerar a busca por um denominador comum. O atleta trabalha em dois turnos no CT de Eldorado, na região metropolitana. Ferreira tem contrato com o Grêmio até a metade de 2021. A renovação é um desejo do clube para garantir o futuro do atleta na equipe. O impasse, porém, poderá fazer com que o atacante não apareça na lista de inscritos para a Copa Libertadores.

“Rusga” antiga

Não é a primeira vez em que o empresário Pablo Bueno entra em rota de confronto com a direção gremista. O representante também administra a carreira de Tetê, revelação do Grêmio vendida ao Shaktar Donetsk no início do ano passado. Na época do negócio, um mal estar entre as partes gerou o rompimento da relação clube e atleta.

Veja mais em Jogadores do Grêmio.

Veja mais

Comentários