Ir para o conteúdo principal
Futfanatics

Grêmio chega a 7 jogadores liberados; saiba o valor da diminuição na folha salarial

Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio está próximo de efetuar a saída de mais um jogador do plantel. Após oficializar as liberações do goleiro Phelipe Megiolaro, dos volantes Michel, Matheus Frizzo e Victor Bobsin, do meia Martin Benítez e do centroavante Ricardinho, o tricolor encaminhou o empréstimo de Elias Manoel ao New York Red Bulls, da MLS.

+ Como uma dívida de Guilherme pode fazer o atacante virar desfalque no Grêmio

O negócio com o clube americano está sendo viabilizado através do molde de empréstimo até dezembro, com o Grêmio recebendo, inicialmente, 150 mil dólares pela ida do atleta ao time da Major League Soccer até o final do ano e podendo lucrar mais 1,5 milhão de dólares, valor equivalente à opção de compra para a aquisição de 100% dos direitos econômicos do atacante.

Com a saída de Elias, alinhada às liberações dos atletas que já deixaram o clube na atual janela de transferências, conforme apurado pela reportagem, o Grêmio diminuiu cerca de R$ 550 mil na sua folha de pagamento, que está estabelecida em, aproximadamente, R$ 11 milhões.

O custo mensal ainda é considerado elevado pela direção gremista, que tinha o objetivo, no início da temporada, de trabalhar com uma folha salarial de, no máximo, R$ 8 milhões em 2022.

Jogadores que já deixaram o Grêmio na janela de julho

  • Phelipe Megiolaro – Estoril (POR)
  • Michel – Operário-PR
  • Matheus Frizzo – Tombense-MG
  • Victor Bobsin – Santa Clara (POR)
  • Martin Benítez – América-MG
  • Ricardinho – Atlético-GO
  • Elias – New York Red Bulls (EUA) (Dependendo apenas de exames médicos e assinatura do contrato)

Veja mais em Mercado da Bola.

Você pode gostar

Comentários