Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Grêmio liga alerta com problemas contratuais que poderão surgir por conta da pandemia

Diego Souza no clássico Gre-Nal — Lucas Uebel / Grêmio FBPA

As possíveis ideias de solução para o calendário do futebol brasileiro envolve uma série de fatores. O primeiro deles é quando de fato os jogos poderão ser retomados, pergunta que ainda não tem resposta. As possibilidades discutidas fazem com que o Grêmio elabore vários planejamentos para estar preparado para o cenário que se concretizar.

A tendência é que a temporada, apesar de estar parada, termine ainda em 2020. Para isso, será necessária uma readequação das competições, principalmente o Brasileirão. Discute-se, por exemplo, um campeonato de apenas um turno. A ideia não está descartada, mas ainda é embrionária.

Uma outra possibilidade é o espelhamento do futebol brasileiro com o calendário europeu. Ou seja, os campeonatos iniciariam no final de agosto e terminariam em maio de 2021. Essa ideia é apoiada, inclusive, pelo Executivo gremista, Klauss Câmara. Contudo, isso traria um outro problema ao Grêmio: os contratos.

7 jogadores tem vínculo encerrando em dezembro

No Tricolor, são 7 os atletas que possuem contrato terminando em 2020: Júlio César, Caio Henrique, Paulo Miranda, Orejuela, Marcelo Oliveira, Thiago Neves e Diego Souza.

Caso uma ideia de espelhamento fosse colocada em prática, a direção precisaria agir na tentativa de renovações curtas na busca da manutenção do grupo para a conclusão dos torneios. E é justamente fatores como esse que estão impedindo o avanço de uma solução.

Clique aqui para receber todas as notícias do Grêmio em nosso grupo no Telegram.

Veja mais em Diretoria do Grêmio.

Veja mais

Comentários