Ir para o conteúdo principal
Futfanatics Gremistas

Jardel relata roubo de seus troféus em sua casa, no Ceará

Ex-jogador teve furtadas de sua casa: duas chuteiras de ouro, uma chuteira de prata e uma de bronze.

Alex Nicodim / Imago

O ex-atacante e ídolo da torcida gremista, Jardel, usou as suas redes sociais para desabafar e pedir ajuda de seus seguidores. O ex-jogador afirmou que os itens mais significativos de sua carreira foram levados de sua residência.

Segundo o relato de Jardel, o fato aconteceu nessa madrugada e foram levados: duas chuteiras de ouro, uma chuteira de prata e uma de bronze.

“Na madrugada de hoje, fui roubado na minha casa, precisamente na sala de troféus, e tiraram as coisas mais valiosas da minha carreira: as duas chuteiras de ouro, uma chuteira de prata e uma de bronze. Mais do que o valor delas é o valor sentimental que eu tenho por elas. As duas chuteiras de ouro que ganhei e representei o Brasil afora”, escreveu o atacante em suas redes sociais.

A chuteira de ouro é o prêmio conquistado por ser o maior artilheiro da Europa, Jardel recebeu em 1999 e na temporada 2001/2002. Além desses, o jogador teve furtada uma chuteira de prata quando atuava pelo Porto (1997) e uma de bronze conquistada com a camisa do Galatasaray, da Turquia (2000).

O ex-jogador conta com o apoio de diversos perfis famosos nas redes sociais para conseguir seus troféus de volta. O jogador já fez boletim de ocorrência e a polícia está trabalhando no caso.

Comentários