Ir para o conteúdo principal

Bolzan responde se relacionamento com jogadores experientes derrubou Felipão no Grêmio

Diego Vara / Poll / Getty Images

Um dos boatos que viralizaram no final da passagem de Felipão pelo Grêmio, em 2021, foi de que o experiente treinador não se dava bem com alguns jogadores experientes. E que, inclusive, desejava afastar o lateral-direito Rafinha e o centroavante Diego Souza da equipe.

+ Gestão de Romildo Bolzan pode acabar antes do previsto no Grêmio

O tema foi colocado para a análise do presidente Romildo Bolzan Jr, que evidentemente negou tudo em live nesta terça-feira com o comentarista Cesar Cidade Dias.

“Não foi nada disso. Nós perdemos um jogo para o Santos. Um lance de impedimento e o VAR fez a correção. Ali se verificou uma situação de quase que impossibilidade de reação. O Rafinha foi expulso… o ambiente ficou pesado. A viagem de Santos para São Paulo foi em silêncio. Senti que não tínhamos mais capacidade de reação”, contou Bolzan.

Felipão deixou dirigentes do Grêmio a vontade para decidir sua demissão

O presidente ainda alega que o próprio Felipão deixou os dirigentes “à vontade” para a tomada de uma nova decisão:

“E o Felipão, dentro da sua experiência, chamou eu e o Herrmann e disse que nos queria deixar à vontade. Depois fizemos a análise. Não teve nada de problema com jogador”, acrescentou Bolzan na mesma entrevista.

Voltar para o topo