Ir para o conteúdo principal

Com ‘homenagem’ a ex-presidente rival e gritos de olé, tricolores fizeram a festa na Arena

Com maioria absoluta de torcedores do Grêmio, 44.777 pessoas estiveram no clássico Gre-Nal 414 e testemunharam mais uma grande exibição dos comandados do técnico Renato Gaúcho. Com gols de Everton, Jael e Arthur, o tricolor construiu uma justa vitória por 3×0 sobre o maior rival na ida das quartas de final do Gauchão e justificou a imensa festa feita pelos azuis nas arquibancadas da Arena.
[bn]50[/bn]
Embora o primeiro tempo "morno" tenha esfriado os ânimos dos tricolores, bastou Everton abrir a contagem para que a festa se iniciasse na casa tricolor. Além dos cânticos já conhecidos da torcida, e do famoso "um minuto de silêncio", os torcedores do Grêmio voltaram a cutucar o ex-presidente colorado Fernando Carvalho, que fez parte da campanha do rebaixamento do Inter em 2016.

Com o adversário amplamente dominado e sem esboçar qualquer tipo de reação, o Grêmio trocou passes ouvindo o som do popular "olé" vindo das arquibancadas. Apenas deixando passar o tempo e apreciando a festa da torcida, os jogadores trocavam a bola de pé em pé apenas no aguardo do apito final do árbitro Anderson Daronco, que dirigiu o Gre-Nal 414.

Os 3×0 ampliaram a recente soberania do Grêmio em clássicos Gre-Nais. O tricolor não perde um clássico há seis jogos – neste período foram três vitórias e três empates. A última derrota ocorreu no segundo turno do Brasileirão de 2015, no Beira-Rio, por 1×0, com um gol do atacante Vitinho.
[bn]51[/bn]
Amparado pela larga vantagem obtida na Arena, o Grêmio volta a encontrar o Inter nesta quarta-feira, a partir das 21h45, no Beira-Rio. Se concretizar a vaga, aguardará o vencedor de Caxias x Avenida para o duelo de semifinal do Gauchão.

Voltar para o topo