Ir para o conteúdo principal

Guilherme desabafa após primeiro gol pelo Grêmio e se dá “nota 11”

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Após um longo período buscando o gol, tendo que se contentar no máximo com assistências, Guilherme encerrou o jejum pelo Grêmio na noite desta quinta-feira. Foi dele o belo gol de fora da área que abriu o marcador diante da equipe do Brusque, na Arena, por 3×0, na rodada final da Série B.

+ O meia que deve ganhar protagonismo com Renato no Grêmio em 2023

Depois da partida, o jogador falou com a imprensa em tom de desabafo pela demora em conseguir fazer o seu gol:

“Deus quis que fosse no último jogo. Ainda bem que saiu. Quase que passo em branco, mas estou feliz. Agora é descansar e curtir com a família, que acho que eu mereço (risos). A maioria dos meus gols é assim, cortando para dentro e finalizando. Eu não consegui nem comemorar, não sabia o que fazer, mas chamei todo mundo. Meus colegas me davam muita força nas semanas. Todos viam o quanto eu me dedicava. Eu colocava o Guilherme de lado pensando no clube e o acesso veio. Agora é começar a temporada bem, do jeito que terminamos”, disse.

Guilherme diz que merece nota 11

Segundo Guilherme, a sua própria nota pela partida que fez contra o time catarinense supera até mesmo o 10.

“Onde eu passei, fiz muitos gols. Dessa mesma competição em 2019 eu fui artilheiro. Então, a nota do Guilherme, hoje, é nota 11. Além de ser meu número, durante essa meia Série B, a minha nota é 11. Minha confiança está lá em cima”, finalizou.

Voltar para o topo