Ir para o conteúdo principal

Lateral encerra contrato com o Grêmio e é o primeiro a deixar o clube

Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Titular do Grêmio na maior parte da temporada, o lateral-esquerdo Nicolas rescindiu o contrato de empréstimo com o tricolor e acertou seu retorno ao Athletico-PR. O defensor, entretanto, não será utilizado pelo técnico Luiz Felipe Scolari em 2022.

+ Edílson sonha com permanência no Grêmio para 2023 e faz planos

Nicolas se destacou como “garçom” do Grêmio por conta de sua contribuição ofensiva na equipe. Com a chegada do técnico Renato Portaluppi, no início de setembro, acabou perdendo espaço para Diogo Barbosa. Mesmo assim, o lateral seguiu valorizado no clube, tanto que o presidente Romildo Bolzan sugeriu sua permanência para 2023.

Faltando duas rodadas para o término da Série B, Nicolas chegou a um acordo com o tricolor para retornar ao Athletico-PR, onde deve se apresentar nos próximos dias. O lateral, vale destacar, não poderá ser utilizado por Felipão no Campeonato Brasileiro.

Se o Grêmio quiser manter Nicolas para 2023, terá de negociar com o Athletico-PR. A equipe paranaense exige cerca de R$ 4 milhões para liberação em definitivo do jogador, que teve o nome ligado ao São Paulo nas últimas semanas.

Números de Nicolas pelo Grêmio

Nicolas foi anunciado como novo reforço do Grêmio ainda em 2021, logo após a queda do clube para a Série B. Nesta temporada, em 35 jogos disputados, marcou dois gols e distribuiu o total de dez assistências.

Voltar para o topo